Quinta-feira, 30 de Março de 2006
 

 

A Poesia

                       Por Denise Figueiredo

O olhar divagando,
Vazio, se enche de idéias.
O pensamento vai longe,
A poesia nasce assim.

O desejo de dizer eu te amo!...
A necessidade de ter se a quem ama,
O prazer de viver e morar,
Em um prazenteiro lugar.

 Poesia, o pensamento escrito.
Com pena e as duras penas.
O coração se abre, ela sai.
Em suas pegadas quem lê vai.

Todos somos poetas,
O poeta é um ser subjetivo,
Os nossos olhos são poesia,
Que traduz em escrito o pensamento.,

Por vezes um lamento
Em outras um delírio,
Às vezes por amor,
Outras por sentir dor.

Ela vem d’ alma,
Pode ser uma paixão,,
Traduz também sofrer
E pode ser por amor

Art By D.F.


sinto-me
música Além do horizonte azul
tags:

publicado por denisefigueiredo às 21:54 | link do post | comentar | favorito

AQUI E AGORA
mais sobre mim
Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Estendi a rede na varanda

Obrigada minha amiga!

Luz, poesia & ação .

Correndo...

Três sabores

Minha doce idolatria

A poesia

Passeio com a Poesia

arquivos

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Junho 2006

Maio 2006

Março 2006

tags

ação .

amiga

atrito

contemplar

jardim molhar

luz

negar

poema

poesia

presente

rede

teus olhos castanhos.

varanda

todas as tags

favoritos

Passeio com a Poesia

blogs SAPO
subscrever feeds